ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       INSTAGRAM                       FACEBOOK                       PINTEREST



27.11.14

Caracol, caracol, onde está o sol?






















Há muito que queria fazer cinnamon rolls, também conhecidos por cinnamon buns ou cinnamon swirls.
Mas vocês sabem que entre mim e o tempo de repouso e de levedura das massas existe, digamos que, uma certa incompatibilidade.

[Quero mudar isso. Quero ganhar vontade e criar as oportunidades para fazer as massas - de pão, de brioche, etc - como manda a lei, com direito a todas as horas de que precisam para crescer e ficarem maravilhosas. Se não conseguir inverter isto antes, fica como desejo para 2015, que o fim do ano está aí não tarda nada.]

Como me apetecia muito fazê-los mas não tinha tempo para a receita tradicional, procurei uma versão simplificada e encontrei esta. Confesso que comi a foto com os olhos e acreditei que iriam ficar muito parecidos com os tradicionais (que eu nunca fiz, mas tenho ideia de serem muito parecidos com os que vendem no IKEA).

Pois, mas se há receitas que pedem para a massa repousar umas três horas, deve ser por alguma coisa. Não que estes não tenham ficado bons, pelo contrário, ficaram óptimos. Só que a massa não tem nada a ver com o que eu estava à espera. Ficou mais parecido com uma massa quebrada, com o crocante da massa a contrastar com o recheio húmido de manteiga, açúcar mascavado e canela, o que acabou por ser um delicioso bónus, para quem estava triste por não ter conseguido aquela massa mais fofa, tipo croissant.

Combinaram muito bem com o café (tomado sem açúcar, que os caracóis são bem doces), mas imagino que também fiquem muito bem com um chá.

Se por estes dias frios e cinzentos apetecer um miminho mas o tempo para a cozinha não for muito, sigam estes caracóis de passo bem rápido. Até porque podem variar o recheio: chocolate ou Nutella não iam ficar nada mal ;)














CARACÓIS DE CANELA RÁPIDOS
(ligeiramente adaptado daqui)

Para a massa:
2 chávenas* de farinha sem fermento T55
2 colheres de sopa de açúcar
1 colher de sopa cheia de fermento em pó
1 pitada de sal fino
1/4 de chávena de manteiga ou margarina (usei Vaqueiro)
3/4 de chávena de leite (usei magro)

Para o recheio:
1/3 de chávena de manteiga ou margarina (usei um pouco menos e Vaqueiro)
1 chávena mal cheia de açúcar mascavado
1 colher de sopa de canela em pó (ou a gosto)

*chávena = 250 ml de capacidade

Ligue o forno nos 180º. Forre uma ou duas formas rectangulares ou quadradas (eu usei uma grande e uma mais pequena) com papel vegetal, unte com manteiga e polvilhe com farinha (ou use spray desmoldante). Numa taça grande, junte os ingredientes secos, misture bem com um garfo e junte a Vaqueiro em pedaços. Misture com as mãos até ficar em migalhas grossas e junte o leite aos poucos. Amasse e junte mais leite ou mais farinha até ter uma massa que se descola e se amassa sem dificuldade. Transfira para uma superfície de trabalho enfarinhada e amasse durante um ou dois minutos. Estenda com o rolo dando-lhe um formato rectangular. Barre a massa com Vaqueiro (usei as mãos) e espalhe por cima o açúcar misturado previamente com a canela em pó. Enrole (se enrolar pela parte mais comprida, vai obter mais caracóis, se enrolar pela parte mais curta, vai obter menos caracóis mas com mais camadas, mais largos). Com uma faca, parta em fatias com cerca de 2 cm de altura. Coloque os caracóis nas formas, bem separados entre si porque vão crescer bastante para os lados. Leve ao forno entre 15 a 20 minutos.



11 comentários:

Ondina Maria disse...

Oh Teresa o caracol é vagaroso por natureza (até fis verso, lol)!
Já se sabe que a massa do caracol só fica fofinha se levedar aquelas horinhas, eh eh eh. A minha terapia é mesmo a focaccia, que me demora 6h no total. Mas vale bem a pena. E para mim, que sou frenética, é um bom exercício para contrariar a minha tendência :)

Diogo Marques disse...

Lindos :) Comia agora um, esse sabor irresistivel a canela :)
-
Diogo Marques
Blog: A culpa é das bolachas! | Facebook | Instagram
-

Ana Teles disse...

Humm - devem ter ficado deliciosos!


______________________
Ana Teles | blog: Telita na Cozinha

feedly - bloglovin' - Facebook


Helena Mouta disse...

Eu adoro cinnamon rolls, são tudo aquilo que eu gosto num doce. Já fiz várias vezes (não faço mais porque são mesmo uma bomba calórica) e faço ou com esta receita: http://thepioneerwoman.com/cooking/2007/06/cinammon_rolls_/
ou com a receita do No Knead Bread. Confesso que esta última, com metade de farinha integral, fica óptima, menos doce, perfeita para os gostos cá de casa. Nas duas, os tempos de descanso da massa são muito flexíveis e as duas podem ficar no frigorífico à espera que a gente tenha tempo, pachorra ou vontade de tratar delas! :-)

Susana Machado disse...

que lindos!
Beijinhos,
http://sudelicia.blogspot.pt/

Miranda disse...

Sou viciada em cinnamon buns, mas quem os faz é o meu marido - não pleo tempo de espera, mas porque tenho medo de mexer em massas, que é uma fobia altamente idiota e que tenho tentado combater fortemente - e gosto deles particularmente gooey e de massa leve e fofa. COm frutas cristalizadas picadinhas então, ainda ficam melhor!!
http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

Mariana Teixeira disse...

Adoro e estes devem estar o maximo Teresa. Também sou algo impaciente na cozinha embora ás vezes me encha de coragem e lhes permita (ás massas), o merecido descanso, depois de tanto as sovarmos...

Antonio disse...

Parabéns pelo seu trabalho, fantástico blog.

Paula Moita disse...

Também ando para experimentar uma versão destes caracóis, mas ainda não consegui por falta de tempo e disponibilidade.
Ficaram lindos e certamente deliciosos!
beijinhos e boas festas
Paula

Mapas e Papas disse...

Também já experimentámos fazer os cinnamon rolls, com uma receita daquelas que demora uma eternidade (amassa, deixa levedar, amassa outra vez, deixa levedar, etc. etc.), e, apesar de o sabor ser muito bom, também ficaram muito parecidos com estes, e não tão fofinhos como queríamos!
Mas vamos continuar a tentar! (até porque há pouco tempo fizemos uma coroa que nos correu tão bem - http://mapasepapas.blogspot.pt/2014/12/16122014-coroa-de-acucar-e-canela.html - que temos de testar a receita em versão cinnamon roll). E quando não tivermos muito tempo, com certeza experimentamos estes! ;)

Sandra Correia disse...

OMG!
Tenho que experimentar essa receita, deve ser de bradar aos seus!

http://tudosobretudon.blogspot.pt/