ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       INSTAGRAM                       FACEBOOK                       PINTEREST



20.2.15

Do meu tipo de pratos favoritos.


















Adoro um bom gratinado. Acho que é um exemplo maior da chamada comida de conforto.
E estamos em plena época dos gratinados, pois é uma forma deliciosa de utilizar os legumes de Inverno: a batata-doce, o nabo, a beterraba, a abóbora...

Tanto mais que, apesar do tempo ter espevitado durante o Carnaval, as temperaturas voltaram a baixar, chove lá fora e afinal o forno não é para deixar de usar tão cedo - na verdade, quem já me conhece, sabe que são poucos os dias no ano em que não o ligo, o mau tempo é só um argumento que ajuda a apaziguar a minha consciência relativamente ao gasto de energia!

Encarem este gratinado mais como uma sugestão do que uma receita, pois podem fazer imensas alterações, a começar pelos próprios legumes. Podem usar batata 'normal', podem omitir um ou mais legumes, podem usar natas em vez de leite (omitindo o queijo-creme), entre outras variações.

O importante é ficar bastante tempo no forno para os legumes ficarem bem macios e absorverem bem os sabores. Por motivos de 'logística familiar', tive de fotografar antes da cozedura ter terminado. Estas belezas voltaram para o forno depois da sessão fotográfica e foi aí que o gratinado ganhou a cor final, um dourado mais acastanhado, e a superfície crocante a contrastar com os legumes macios do interior.

Bom fim-de-semana!

















GRATINADO DE BETERRABA, NABO, BATATA-DOCE E CENOURA

(para 4 cocottes)

1 cenoura média
1 nabo médio
1 beterraba média
1 batata-doce média
300 ml de leite (usei magro, mas podem usar outro tipo)
1 colher de sopa de queijo-creme tipo Philadelphia
Queijo parmesão a gosto
Queijo cheddar a gosto
Sal qb
Pimenta preta qb
Tomilho seco qb
Noz-moscada qb
Manteiga qb

Ligue o forno nos 200º.
Descasque os legumes e, com a ajuda de uma mandolina, corte-os em rodelas o mais finas que conseguir, para taças diferentes.
Unte as cocottes com manteiga.
Junte o queijo-creme ao leite, tempere com um pouco de sal, noz-moscada e pimenta preta acabada de moer e mexa bem com uma vara de arames. Vão ficar alguns grumos de queijo, não se preocupe. Reserve.
Faça uma camada generosa de um dos legumes nas cocottes, rale um pouco de parmesão e cheddar diretamente para a cocotte e salpique com uma pitada de tomilho seco; faça nova camada de legumes, rale novamente um pouco de parmesão e cheddar, adicione mais um pouco de tomilho e assim sucessivamente até ter uma camada de cada legume, terminando com mais queijo ralado e tomilho (a minha última camada foi de beterraba).
Verta a mistura do leite só até cerca de metade de cada cocotte. Tape (se as suas cocotte não tiverem tampa, cubra-as com alumínio) e leve ao forno cerca de 25 minutos. Isto vai fazer aumentar o líquido e fazer com que o gratinado não seque demasiado na fase seguinte. Como pode escorrer algum líquido da cocotte, pode proteger o fundo do forno com um tabuleiro ou papel de alumínio. Destape e deixe cozer mais cerca de 30 minutos ou até estar bem dourado e ao introduzir uma faca sentir os legumes macios. Deixe repousar uns 10/15 minutos antes de servir, como entrada, acompanhado de uma salada de rúcula ou outras folhas verdes.


11 comentários:

Pec disse...

Apetecia-me ir ali ao tacho roubar um bocadinho. :)

Filipa Ferraz disse...

Boa tarde,

Podia, por favor, dizer-nos onde comprou estas cocottes? :)

Obrigada,
Filipa

Célio Cruz | Sweet Gula disse...

Adoro estas refeições bem reconfortantes, comida de inverno e de forno que satisfaz. :) Sou fã de batata doce e adoro queijo, seja ele qual for, por isso este pratinho delicioso tem mesmo a minha cara. ;)
Um beijinho e bom fim de semana.

Miranda disse...

gosto bastante de pratos gratinados, sendo que um dos meus grandes pecados é um gratin de couve flor e molho branco... agora fiquei com apetites eheheh.
http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

De aprendiz a chef disse...

Adoro este tipo de comida de conforto :P

Acompanhem também: http://deaprendizachef.blogspot.pt

Danny disse...

que bom aspeto! e essas panelinhas são um amor

Babette disse...

Também é do meu género, sim senhora ;)
E sim, o meu forno também não tem parado! Hoje foi desde o final da manhã até há pouquinho....
Casa quentinha e barrigudinhas felizes ;)
Bj de boa semana
Babette

Ondina Maria disse...

O que fizeste à 4ª cocotte? :p

Marmita disse...

Tens umas panelinhas muita giras :) Adoro as cores que escolheste, quanto ao recheio parece-me muito bem é mesmo o tipo de pratos que eu gosto. beijo

Teresa Rebelo disse...

Olá Filipa,
As cocottes foram uma oferta da La Creuset, no âmbito de uma parceria com o blog. O ideal é contactar a marca para saber quais os pontos de venda, mas sei que se vendem no El Corte Inglés.

https://www.facebook.com/LeCreusetPortugal

Beijinho
Teresa

Teresa Rebelo disse...

Ondina: a 4ª não ficava bem na fotografia ;)

Bjs
Teresa