ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       INSTAGRAM                       FACEBOOK                       PINTEREST



29.7.15

Viajar sem sair do lugar.






Finalmente consegui estrear a minha tagine (ou tajine) Le Creuset.
E finalmente comecei a dar uso aos limões em conserva (os famosos preserved lemons que tanto vemos no Pinterest e nos blogs estrangeiros), preparados por mim há cerca de dois meses, mantidos quietos no frigorífico, após os quinze dias iniciais de hibernação num armário.

Para a receita dos limões em conserva, basta fazerem uma pesquisa no google e vão ter muito por onde escolher, com ligeiras variações entre cada receita. Eu acabei por seguir esta, mas depois lembrei-me que no Marmita também há uma receita catita, ora espreitem aqui.

Para o frango, não segui nenhuma receita especial, apenas quis que tivesse um toque marroquino, que seria reforçado pelos limões em conserva. Como não cozinhei em casa, e não quis levar muita coisa comigo (a tagine já é bem pesada!), no que toca a especiarias usei apenas a mistura Marrocos da Margão, que é bem rica e perfumada, à base de coentros e cominhos.

Adorei o resultado final e ainda que o frango tenha ficado muito claro para o meu gosto (da próxima vez tenho de deixar cozinhar mais antes de juntar o caldo e tapar), o sabor do limão em conserva foi surpreendente. É subtil e vibrante ao mesmo tempo, muito diferente do sabor do limão fresco.

Aconselho mesmo a fazerem um frasco de limões em conserva, é muito fácil. O que custa mais é ter de esperar para poder usá-los! Não se esqueçam de que no momento de os utilizar, estes devem ser passados por água, para retirar o sal, e a sua polpa deve ser descartada, usando-se apenas a casca.

Quanto à panela, é realmente especial. A sua tampa cónica faz com que o vapor, ao subir, condense ao contactar com as paredes e volte para o cozinhado em estado líquido, permitindo um estufado lento e cheio de sabor.

Daqui a alguns dias volto ao campo, de férias, e a tagine já vai lá estar, preparada para novas viagens.















TAGINE DE FRANGO COM AZEITONAS E LIMÃO EM CONSERVA
Para 4 pessoas

8 porções de frango (usei pernas e coxas, sem pele)
1 cebola
2 dentes de alho
1 limão
2 colheres de chá da mistura 'Marrocos' da Margão
1 chávena de azeitonas pretas descaroçadas
1 raminho de coentros frescos
1/2 limão em conserva (os meus preserved lemons eram grandes, daí ter usado apenas 1/2)
Azeite qb
Sal qb
Cerca de 300 ml de caldo de legumes*

Com algumas horas de antecedência ou até de um dia para o outro, tempere o frango: coloque-o numa taça e regue com sumo de limão e azeite, tempere com sal e a mistura de especiarias. Junte ainda o alho picado. Envolva bem o frango nesta mistura, tape a taça com película aderente e leve ao frigorífico.
Quando for cozinhar, regue o fundo da tagine com um fio de azeite e junte a cebola partida em meias-luas. Quando começar a querer alourar, junte o frango, reservando a marinada. Quando o frango tiver ganho cor, junte as azeitonas e 1/4 de limão em conserva partido em tiras finas (depois de passado por água e de lhe ter sido retirada a polpa). Adicione o caldo e o que sobrou da marinada, junte metade do ramo de coentros e tape, deixando cozinhar no mínimo cerca de 1h30. Findo este tempo levante a tampa e se ainda tiver muito líquido, deixe cozinhar destapado cerca de 15 minutos ou até se ter evaporado a quantidade de líquido pretendida. Prove e acrescente sal, se necessário. Antes de servir, salpique com mais coentros picados e tiras de limão em conserva. Acompanhe com cuscuz simples.

*Fiz um caldo rápido e básico, com o que tinha na altura: uma cenoura, uma cebola, dois dentes de alho esmagados, algumas folhas de aipo e algumas hastes de salsa, uma folha de louro e sal. Levei tudo a cozer numa panela pequena com água, cerca de uma hora, até estar tudo bem cozido e o líquido ter reduzido bastante. Antes de usar, coei a quantidade necessária.


8 comentários:

Susana Machado disse...

Que bom aspecto!
Beijinhos
http://sudelicia.blogspot.pt/

Cozinhar sem Lactose disse...

Adoro o sabor dos limões em conserva! Também tenho uma receita dos mesmos no meu blogue, tirada diretamente de um livro de cozinha marroquina, que é a minha bíblia! Se quiseres outra sugestão para usar os limões e a tagine, acabei de publicar uma receita bem deliciosa com ervilhas!
http://cozinharsemlactose.blogspot.pt/2015/07/tajine-de-ervilhas.html

cozinha100segredos disse...

Adoro viajar sem sair do lugar! E então através dos cheiros e dos sabores é como mais gosto! E aposto que essa tagine te fez viajar para terras longínquas!

Ondina Maria disse...

Ai Teresa, quem me dera uma tagine. E sabes que ando à imenso tempo para fazer limões em conserva? Estou à espera de um carregamento de limões bio, que há-de chegar em breve :)

Miranda disse...

tenho muita curiosidade por cozinha com uma tagine, deve dar um sabor bem diferente aos alimentos. Já limões de conserva, não consigo apreciar...
http://bloglairdutemps.blogspot.pt/

Marmita disse...

Olá Teresa, mas que bonito post, adorei como te disse ontem! Fizeste uma excelente escolha na tagine, e com ela não precisas de viajar só até Marrocos.. acho que podes viajar pelo mundo! Um beijo e obrigada pela referência!

Inês Ginja disse...

E é tão linda a tagine (e o interior também!).
É de facto muito bom cozinhar nela, já experimentei a minha e ainda gostei mais do que as que usava antes que vieram de Marrocos.
O limão em conserva dá mesmo um toque tão bom. Lindas as fotos!
beijinho.

Mary - Strawberrycandy disse...

Que bom aspecto,..essas fotos estão maravilhosas,..
Beijinhos,
Espero por ti em:
http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/
www.facebook.com/omeurefugioculinario