ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       WORK                       FACEBOOK                       PINTEREST



Viena e uma receita para o Natal.


 



































































Uma viagem de trabalho do G. a Viena, há umas semanas atrás, transformou-se numas miniférias a dois.
A altura não podia ter sido melhor, com a cidade já envolta numa alegre e colorida atmosfera natalícia.

Deu para perceber que esta é uma época muito importante para os austríacos, na sua maioria católicos. Nas ruas do centro não faltam iluminações, as coroas de advento vendem-se em todo o lado e os mercados de natal surpreendem-nos a cada esquina. Estes são uma espécie de feiras de artesanato, onde se destacam as bancas que vendem bolas e outros enfeites de natal - lindos mas caríssimos - e as bancas que servem os famosos punsch e glühwein, as bebidas quentes que ajudam os grupos de amigos e as famílias que se juntam nas praças ao fim da tarde, a afastar o frio.

Já não nos lembrávamos de andar tanto a pé. A cidade é bem maior do que imaginávamos e, apesar da excelente rede de transportes públicos, caminhar pareceu-nos a melhor maneira de ficar a conhecê-la.
O resultado, para além dos músculos cansados e da alma cheia de mundo, foram centenas de fotografias, que só agora consegui seleccionar.

Algumas ajudam a ilustrar o meu toptwelve desta visita a Viena:

1. Os mercados de natal e o ambiente mágico que neles se vive, com destaque para o da Rathaus;
2. Os cafés e o café (gostei especialmente do Kleines Café, com uma atmosfera muito informal e intimista e onde, só agora descobri, foi filmada uma cena do filme 'Antes do Amanhecer', com o Ethan Hawke e a Julie Delpy);
3. A missa de domingo na Capela Imperial do Palácio Hofburg, com um grupo de canto gregoriano, os Pequenos Cantores de Viena e um organista da Filarmónica de Viena;
4. A divertida visita guiada ao edifício da Ópera (acho que tivemos sorte com o guia);
5. Os mercados, especialmente o Naschmarkt;
6. A subida à cúpula da Karlskirche, onde se podem apreciar os frescos a muito pouca distância e ainda ter uma panorâmica sobre a cidade (ainda que seja aos quadradinhos, devido à rede de segurança);
7. O Museum Quartier, com vários museus, lojas e um ambiente cosmopolita fresco e moderno que contrasta com as clássicas atracções da cidade;
8. Os Palácios Schloss Schönbrunn e Belvedere, sobretudo pela forma como foram implantados, com espaço à volta e vista sobre a cidade (num dos Palácios Belvedere pode ver-se o beijo mais famoso do mundo, de Gustav Klimt e no Schönbrunn há esquilos simpáticos);
9. A simpatia dos austríacos, que fisicamente são mais parecidos connosco do aquilo que eu poderia imaginar;
10. As lojas Blaulicht e Kokon, onde me senti uma criança numa grande loja de brinquedos, com vontade de comprar tudo, mas onde comprei apenas duas singelas colheres de café e uma pequena rena prateada;
11. As castanhas que se vendem na rua, enormes e doces, que não sujam as mãos pois são assadas em fogareiros a gás;
12. O jantar inesperado no Zweitbester, um restaurante industrial chic que encontrámos por acaso e onde comemos muito bem sem pagar muito - o meu risotto de castanha estava delicioso e o peixe, de rio, que o G. escolheu, também.

E agora a receita. Inspirada nesta viagem.
Na segunda visita que fiz ao Naschmarkt, descobri uma banquinha liderada por dois rapazes novos que vendiam doces com aspecto caseiro. Os que mais me chamaram a atenção foram umas rodelas rústicas de chocolate cobertas com amêndoa caramelizada, o tamanho era pouco maior do que uma bolacha maria. Havia em todas as versões: chocolate preto, branco e de leite. Perguntei quanto custavam e disseram-me que era ao peso. Pegaram numa, como exemplo, e colocaram na balança, informando-me de que aquela passava dos 3 Euros. Sorri de olhos arregalados, agradeci, mas não comprei, decidida a tentar fazê-las eu, assim que voltasse.

Aqui estão elas: uma espécie de florentinas simplificadas, quem nem de forno precisam e que podem transformar-se num mimo de natal, com imensas variações.
Desta vez fiz só com chocolate preto e amêndoa, mas já estou a magicar usar pistáchios, sultanas e casca de laranja cristalizada...







'Pseudoflorentinas' de chocolate e amêndoa

Para cerca de 10

200 g de chocolate de culinária
50 g de miolo de amêndoa laminado (ou aos palitos)
1/2 colher de sopa de manteiga ou margarina
1 a 2 colheres de sopa de açúcar amarelo

Numa sertã, colocar o açúcar e a manteiga. Deixar derreter a manteiga, mexer bem e juntar a amêndoa.
Deixar cozinhar em lume médio, até a amêndoa começar a caramelizar e ganhar uma cor bonita, mexendo sempre com cuidado, para não partir as láminas de amêndoa e ficarem douradas por todo.
Retirar do lume e deixar arrefecer sobre uma folha de papel vegetal.
Levar o chocolate a derreter em banho-maria, tendo atenção para que a água do tacho não toque no recipiente do chocolate.
Quando o chocolate estiver bem derretido, verter colheradas sobre papel vegetal (usei uma colher de sopa, para círculos com cerca de  6 cm.
Espalhar por cima a amêndoa já arrefecida.
Se sobrar chocolate, passar uns fios sobre as bolachas para 'prender' melhor a amêndoa.
Deixar secar bem.
Destacar do papel vegetal com cuidado, embrulhar e oferecer!


18 comentários:

Cuca disse...

Viena é uma cidade linda! Tem uma classe inexplicável... Passei lá uma semana quando era miúda e lembro-me de estar muito calor e as senhoras anderem de tailleur, collants e sapatos altíssimos em pleno Agosto!
Adorei a receita... Acho que vou levar a receita comigo, porque não vou resistir :)

Beijinhos*

Claudiacva disse...

Sou uma seguidora anónima principalmente porque sigo os meus blogs favoritos pelo google reader então é raro comentar. Mas sim este é um dos meus blogs favoritos, pelas receitas e até pelas fotos das mesmas, que dão um toque delicioso à receita mais simples.
Com este post fiquei ainda com mais vontade de conhecer Viena, apetece chegar ao aeroporto e comprar um bilhete ;)
Um beijinho da seguidora escondida e boas festas

panelasemdepressao disse...

Olá Teresa
A viagem deve ter sido encantadora. O G. conhece Viena, eu não, por isso está na nossa lista de viagens a 2.
Adorei a tua sugestão de chocolate.
Tenho tudo preparado para várias caixas de trufas a oferecer, mas parece-me que também vou alternar com as tuas "pseudoflorentinas".
Um abraço
Guida

Joana disse...

Vou a Viena daqui a duas semanas e devorei este post :D Obrigada pela partilha, foi muito útil :D

Como sempre a receita tem óptimo aspecto :D

Beijinhos e um bom dia :D

Um toque de canela disse...

Olá! Obrigada pela viagem a Viena... Adorei! As tuas bolachas também parecem muito boas e simples, hei-de experimentar!
Beijinhos
Paula

soblushed in USA disse...

uau! a nossa europa é linda pah! mesmo mesmo com saudades! e tou super necessitada de ir dar uma volta por essas cidades da Europa...

Inspiração Inesperada disse...

Belas inspirações... tanto dentro, como fora da cozinha!

Mafalda disse...

Que fotografias espectaculares... tenho mesmo que ir a Viena e também tenho mesmo que fazer esses chocolates que tê um aspecto maravilhoso.. :)
Beijinhos

Familia Pumpkin disse...

Fotos de Viena lindas, dá vontade de deixar as miúdas e saltar para um avião... e a receita e fotos são deliciosas!

Ondina Maria disse...

Adorei as fotos da cidade (está na minha lista de locais a visitar) e claro adorei as pseudoflorentinas. Coisa boa e fácil de fazer :p

GuessWho disse...

Adorei ver as fotos de Viena e a sugestão deliciosa de chocolate. Estive lá há um ano e adorei a cidade e o modo de vida. Lembro-me de ter ficado muito surpreendida com o facto de nos restaurantes e bares aceitarem que os donos entrem com o seus cães :)

Ilídia disse...

Que viagem linda, Teresa! Ainda mais nesta altura. Mágicas, as imagens que nos deixas. Desde os edifícios até aos mercados (que perdição, meu Deus!).
Um bom Natal para ti e para os teus "homens-aranha ;)
Beijinhos,
Ilídia

Jota disse...

Quero ir a Viena já!
Quero comer uma florentino já!
Bonitos texto e fotografias. ;)
Feliz Natal.*
Beijinhos

Jota
http://searchncook.blogspot.pt/

Aida disse...

votos de um feliz e doce Ntal!

beijinhos

Suzana disse...

Minha querida Teresa,

Viena (ainda) não conheço mas fiquei com vontade. Florentinos gosto. E muito! Venho deixar uma palavra doce para 2013 e um beijo gordo*

Manuela Teixeira disse...

Minha querida,

Passei para lhe desejar um 2013 repleto de sucessos e realizações pessoais e profissionais... com tudo de bom.

Bjnhos e boas entradas.

http://saborescomtempo.blogspot.pt/

Tertúlia da Susy disse...

Olá,
Adorei a cidade e adorei a receita.
Bom ano 2013 com muitas "viagens" e sucesso.
Visite-me em http://tertuliadasusy.blogspot.pt
Susy

Celeste disse...

Também visitei Viena há poucos anos, reconheço todos esses sítios. Achei a cidade maravilhosa, ao ver estas fotos deu-me vontade de lá voltar de novo.

Beijinhos