ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       INSTAGRAM                       FACEBOOK                       PINTEREST



6.7.10

Um livro, uma receita #16






Este é o mais recente do Jamie e foi uma surpresa do G., que o encomendou sem eu saber. Como sempre, é um livro com fotos inspiradoras, receitas apetecíveis e comentários do autor genuínos e ternurentos.

Desta vez, Jamie aborda no mesmo volume gastronomias de seis países diferentes - Espanha, Marrocos, Suécia, França, Grécia e Itália - resultado de viagens curtas e recentes a estes destinos, realizadas propositadamente para o livro.

França é a inspiração desta primeira receita que experimentei.
Ora aqui está algo que nunca tinha feito: uma espécie de risotto no forno, que tanto serve de acompanhamento como de prato principal vegetariano.

Ficou delicioso. Mesmo. Mas atenção: leva natas, queijo, caldo... digamos que não é uma receita para fraquinhos, nem para todos os dias. Perfeita para surpreender convidados num dia especial.

Gratinado de curgete e arroz
(para 6-8 pessoas como acompanhamento)

2 colheres de sopa de banha de pato (?) ou azeite (usei azeite)
3 cebolas às rodelas finas (usei 1 grande)
180 g de arroz basmati
7 curgetes medias partidas às rodelas finas (usei 2 curgetes amarelas grandes e achei suficiente)
500 ml de caldo de galinha ou de legumes (usei de galinha)
4 colheres de sopa de crème fraîche (usei natas)
150 g de queijo Emmental ou Cheddar ralados (usei Emmental)
Sal marinho e pimenta preta acabada de moer
Azeite para untar a assadeira

Pré-aquecer o forno nos 190º.
Colocar um tacho grande em lume brando, juntar o azeite e borrifar com água.
Quando estiver quente, adicionar as cebolas e deixar cozinhar até elas ficarem bem macias, aí uns 15/20 minutos.
Passar o arroz por água
(algo que fiz pela primeira vez: nunca lavo o arroz, seja lá de que tipo for) até a água sair limpa.
Quando a cebola estiver bem cozinhada e amarelada, juntar as curgetes e o arroz ao tacho, envolver e juntar o caldo bem quente.
Aumentar o lume e cozinhar por 5 minutos, mexendo de vez em quando.
A mistura deve estar relativamente solta no líquido, se necessário juntar um pouco mais de caldo.
Retirar do lume e juntar suavemente as natas e 100 g do queijo ralado.
Temperar de sal e pimenta preta. Provar e ajustar os temperos se for necessário.
Untar com azeite uma assadeira com cerca de 25 x 32 cm e verter nela o preparado, assegurando que o arroz se espalha por todo. Tentar que a maior parte das curgetes fiquem no topo, para ficar bonito e para manter o preparado com líquido até ao fim da cozedura.
Aqui fiz batota: cortei mais curgete e coloquei as rodelinhas no topo do preparado.
Polvilhar com o restante queijo e levar ao forno cerca de 40 minutos.
Servir idealmente com carne ou peixe grelhados e uma salada.


Apesar do aspecto entre as minhas fotos e a do livro diferirem bastante - o gratinado do livro está mais sequinho e por isso com melhor aspecto - em termos de sabor acredito que tenha ficado próximo do original. Estava muito bom e fez sucesso.

Ah! Esta receita também vem na revista Good Food de Junho.

4 comentários:

B. disse...

A Bela, que é uma esquisita, recomenda! ;)

donabimby disse...

Gostei dessa receita deve ser muito boa.
Hei-de experimentar


bjs

Moira disse...

Olá Teresa,
Vim retribuir a visita e dizer que gostei do que vi, vejo que tens muitos livros de culinária, eu últimamente não posso comprar nada e contento-me em passar pelos blogs dos ditos cozinheiros :)
Vou adicionar-te à minha lista de leituras no google reader para poder continuar a acompanhar o Lume Brando.

moranguita disse...

hum maa que belo gratinado o aspecto exterior nao interessa muito o que conta e mesmo o sabor
beijinhos