ABOUT                       RECIPES                       LIFE                       INSTAGRAM                       FACEBOOK                       PINTEREST



27.4.12

Frutos da terra.





A beterraba não é um frequentador habitual desta cozinha, mas depois de ter lido alguns posts inpiradores no Gourmets Amadores, onde este legume é muitas vezes o rei da mesa, fiquei com vontade de voltar a usá-lo, até porque o rapaz grande cá de casa é um grande apreciador.

Noutro dia, em que a minha sogra tinha beterraba cozida para acompanhamento de um assado, o G. até disse: "Quem gosta de ostras, tem de gostar de beterrabas: comer ostras é beber o mar, comer beterraba é comer a terra".

Bem, apesar de ter achado a comparação muito bonita e poética, não sei se concordo a 100% com a teoria: afinal, não gosto de ostras, mas consigo comer beterraba com algum prazer.

Na visita mais recente à frutaria ao pé de casa, encontrei beterrabas (e cenouras ainda com rama) e não resisti a trazer algumas.

Quanto à receita, já estava marcada há muito tempo na Everyday Food de Janeiro/Fevereiro de 2010.

Ontem, foi o dia de lhe dar vida.







































Salada de beterraba e cenoura
(Everyday Food - Janeiro/Fevereiro 2010)

Para 4


Cerca de 450 g de beterraba com as folhas*
(3 bolbos médios)
2 cenouras médias
1/4 de chávena de sumo de laranja natural
2 colheres de chá de vinagre de vinho tinto (usei vinagre de sidra)
2 colheres de sopa de azeite
1,5 colheres de chá de mostarda de Dijon (usei mostarda normal)
Sal e pimenta qb

*Como já comprei as beterrabas sem as folhas, substituí estas por um talo de alho francês (parte branca).


Numa taça, fazer a vinagreta: juntar o sumo de laranja, o azeite, o vinagre e a mostarda.
Temperar com sal e pimenta preta acabada de moer e mexer bem com um batedor de varas.
Cortar as folhas das beterrabas e descartar os talos. Lavar, secar e cortar as folhas em tirinhas finas (ou em alternativa cortar o alho-francês em rodelas finas).
Lavar bem as beterrabas, descascar e ralar em juliana para um coador (é melhor usar luvas).
Colocar o coador debaixo de água corrente até a água deixar de sair cor-de-rosa.
Deixar escorrer bem e secar em papel de cozinha (o papel fica manchado na mesma, mas como as tirinhas de beterraba ficam secas, garante-se uma salada mais bonita).
Lavar, descascar e ralar as cenouras.
Juntar os legumes numa taça de servir, adicionar a vinagreta e misturar bem.
Deixar assentar uns 15 minutos antes de servir.

13 comentários:

Maria João Clavel disse...

Eu sou fã deste tipo de saladas. São sempre boas, sabem-me sempre bem e adoro beterraba nas saladas. E acho o comentário do homem grande daí de casa mesmo poético! :D
As imagens, como sempre, lindas.

Susana Gomes (Gasparzinha) disse...

Eu que tb sou entusiasta da berraba, tenho-me deliciado com as coisas boas que a Suzana vai partilhando no gourmets. E adorei a tua salada, acho a combinação da beterraba com a laranja perfeita! :)
Bjs

Ana disse...

ahhhh não acredito! hoje vou fazer exactamente cenoura e beterraba para o almoço! estava só a pensar com o quê mais! muito bom aspecto! :)

Helena Mouta disse...

Vi uma salada de beterraba crua feita por alguém (não me lembro quem) na Praça da Alegria há uns anos e desde essa altura que a beterraba, que eu não suportava, se tornou presença assídua lá em casa. No entanto, nunca a lavei e escorri, o que significa que as minhas saladas de beterraba ficam sempre com um "molho" rosa choque nada apelativo, embora delicioso na mesma. Vou experimentar e é já este fds, se encontrar as beterrabas!

Ana Rita disse...

Aí está um vegetal que tenho de dar uma 2ª oportunidade, pois gostava mesmo de gostar dela. Tenho de ponderar e achar uma receita que me seduza a usá-la, quem sabe até esta tua salada deliciosamente bonita.
Bjoka
Rita

foodwithameaning disse...

O título do seu post chamou-me a atenção por contrastar com um publicado por mim há pouco tempo e por saber que os frutos da terra combinam muito bem com o frutos do mar.Esta salada acompanharia muito bem os meus salmonetes grelhados.
Uso muito a beterraba em sopa, pois é a forma de enganar a pequenada. Uma fonte de ferro importantíssima.
Um beijinho
Patrícia

Marmita disse...

Olha tb tens uma aliada por aqui, adoro beterraba crua, é que prefiro bem mais do que a cozida! Adoro legumes crocantes por isso essa saladinha é a minha cara. um beijo

Suzana disse...

Teresa,

Obrigada pela referência ao meu gourmets. Eu 'aprendi' a gostar de beterraba e agora compro sempre que há. Curiosamente não a uso muito crua, à excepção de quando a ralo com raiz de aipo. Hei-de experimentar, claro, esta tua salada! ;)

Uma beijoca e bom fim de semana*

Pammy Sami disse...

Vivam as beterrabas! Elas também são raínhas cá em casa. Já tinha experimentado uma receita assim do género, é uma excelente alternativa às saladinhas tradicionai...

frango do campo disse...

Gosto muito deste tipo de saladas mas confesso que ainda não aprendi a gostar de beterraba. Acho que é daqueles casos que se torna um processo lento. Mas fascina-me a cor da beterraba:) tão bonito :) adorei as fotos :) um beijinho

Isa Lourenço disse...

Simples e delicioso!!

Receitas e dicas de Culinária Saudável disse...

O seu blogue é uma boa descoberta! Fotografias lindas, parabéns! Irei com certeza inspirar-me de algumas receitas suas!!!
Dê uma olhadela no meu blog ;-) http://leve-saboroso.blogspot.pt/

Receitas e dicas de Alimentação Saudável disse...

Não há nada mais puro do que o alimento colhido da terra e ser preparado e consumido logo! Hoje em dia, raras são as pessoas que têm esta sorte!